segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Anita


A maior parte das pessoas conhece Anita como diminutivo/alcunha do nome Ana e realmente essa pode ser uma das origens e significados deste nome. Se considerarmos que Anita chegou até nós a partir do nome Ana, ambos partilham a mesma origem, que no caso veio do hebraico Hannah, seguido do latim Anna, e o seu significado é cheia de graça, graciosa. Se atendermos à outra possível origem deste nome, Anita pode de facto ser um nome indiano, a versão feminina de Anit e significar não guiado

Anita ou Martine esteve presente na minha infância, herdei os livro da minha mãe e tia sobre esta menina que adorava viver aventuras. Para quem não está familiarizado, Anita é a personagem dos livros infantis de Marcel Marlier e Gilbert Delahaey. Estes livros começaram a ser publicados em 1954, mas só chegaram a Portugal em 1966. 

Em Portugal, em 2016, nasceram 39 bebés chamadas Anita. Em 2015, 35 pequenas receberam este nome e no ano anterior 27 meninas foram registadas Anita. Achei curioso que só depois de 1930 é que começaram a nascer crianças Anita em Portugal. O ano de maior registos foi em 1956 com um total de 10 bebés nascidas nesse ano. 

No estado de São Paulo, no ano passado, foram registadas 33 Anita e em 2015 nasceram 52 meninas com este nome. No Brasil, Anita já conheceu melhores dias. Com uma frequência de 37.219 pessoas, o seu apogeu aconteceu na década de 1940. Depois disso, o uso de Anita foi cada vez menor, até que na década de 2000 voltou a subir um pouco. O estado em que é mais provável nos cruzarmos com uma mulher com este nome é em Santa Catarina. 

Personalidades:
  • Anita Garibaldi - a "Heroína dos Dois Mundos" companheira do revolucionário Giuseppe Garibaldi;
  • Anita Guerreiro - nome artístico de uma atriz e fadista portuguesa;
  • Anita Malfatti - pintora e desenhista brasileira;
  • Anitta - nome artístico de uma cantora funk brasileira que está a prometer no mundo da música.  
Talvez embevecida pela nostalgia da minha infância considere Anita um nome ternurento e ao mesmo tempo singelo. Um antropónimo fácil de se gostar e difícil de se esquecer. A sonoridade é bastante aprazível e a escrita não apresenta dificuldades e é distinta. É um nome internacional, fácil de ser dito e escrito em qualquer canto do mundo. Não é propriamente um nome original, mas é uma escolha diferente e reconhecida ao mesmo tempo. No meu parecer, Anita é uma escolha doce e segura. 

Qual é a vossa opinião sobre Anita? E pensando nos livros infantis que me dizem do par Anita & Martina?

Fontes consultadas:


Behind the Name, IRN, SPIE, Nós Portugueses, Dicionários de Nomes Próprios, ARPEN/SP, IBGE, Nameberry, BabyNamesPedia, ThinkBabyNames, Wikipédia, O Blog dos Nomes.

5 comentários:

  1. Anita é um nome engraçado. Parece uma brincadeira de boneca.😜
    Ana é mais limpo, original e melhor.

    ResponderEliminar
  2. Acho Anita simpático mas só gosto como apelido, como nome próprio me passa um ar de eterna infantilidade. É o mesmo caso de Lenita (Helena). Acho que Ana e Hannah são superiores.
    Achei a foto uma graça, combinou com o nome!

    ResponderEliminar
  3. Respondendo à pergunta: Anita e Martina é um ótimo par, os dois são bem atuais.

    ResponderEliminar
  4. Adorei o post! Adoro Anita :) e também cresci a ler os livros da Anita e por isso mesmo acho um nome muito queridos. Gostei do par Anita e Martina.

    ResponderEliminar
  5. Amo o nome Anita! A sonoridade me agrada muito. Está na lista de nomes que pretendo colocar na minha filha.

    ResponderEliminar