domingo, 20 de novembro de 2016

Carminho


As reviravoltas nas tendências de nomes são muito interessantes e inesperadas. Basta algumas pessoas ou famílias influentes na sociedade começarem a utilizar determinados nomes que rapidamente se tornam nomes da moda, apreciados e desejados por muitos. Em Portugal, Carminho é, sem dúvida um nome da moda! Sim, não Carmo, mas o seu diminutivo, Carminho

Carminho é meigo, é delicado, é ternurento! Tudo o que se quer num diminutivo, utilizado para aumentar a intimidade com a pessoa com que se interage. Mas os diminutivos começam a preencher também a lista de nomes autorizados em Portugal – um dia fazemos uma publicação sobre isto – entre os femininos, nomes como Clarinha, Joaninha, Martinha, Rosarinho e Teresinha/Terezinha. Mas o uso de diminutivos como nome próprio também tem o reverso da medalha: há quem os ache infantis, exacerbadamente joviais, apropriados para uma criança, mas impróprios para um adulto. Portanto, resumindo e concluído, Carminho parece dividir opiniões: um nome adequado para todas as idades ou nem por isso?

Grande parte dos portugueses parece achar que sim, Carminho é perfeitamente utilizável e como prova disso temos cada vez mais crianças a nascer em Portugal com este nome! Em 2013 nasceram 81 meninas com este nome, em 2014 foram registadas 107 e em 2015 outras 176! O nome cresce a olhos vistos de ano para ano e tenho a certeza de que o 46º lugar no top português será deixado para trás em pouco tempo e é uma questão de alguns anos até Carminho estar entre os 20 nomes mais utilizados do país. É uma previsão arriscada, mas eu diria que Carminho é a nova Carlota portuguesa!

Já o seu original, Carmo, encontra-se bem atrás nas preferências dos portugueses como primeiro nome: 17 meninas em 2013, 18 em 2014 e 23 em 2015. Já Maria do Carmo é um composto algo requisitado, o 27º mais utilizado em Portugal em 2014 e possivelmente a crescer também, por ser considerado um composto com seriedade e elegância. É possível que tenha sido a fadista de grande reconhecimento internacional Carminho (nascida Maria do Carmo) a lançar o nome para a ribalta! No Brasil, o nome é praticamente inexistente.

O nome em si vem do hebraico karmel, que significa Jardim de Deus, sendo o nome de um monte na Palestina, conhecido como Monte Carmel onde Maria passeava com o Menino Jesus. O significado é maravilhoso e atribui a Carminho ainda mais fofura e um ar verdadeiramente primaveril que aprecio nos nomes!


Fontes consultadas:
ARPEN/SP, Behind the Name, IBGE, IRN, O Blog dos Nomes, SPIE.

2 comentários:

  1. Realmente é inexistente no Brasil. No máximo como apelido pra Carmen ou Maria do Carmo(mesmo nesses casos Carminha é mais usado). Os nomes diminutivos estão fora da realidade brasileira(Teresinha/Terezinha foi o único que fez sucesso por aqui, mas é datado). Não gosto de Carmo nem de Carminho, mas de Carmel gosto bastante, acho bonito e melódico.

    ResponderEliminar
  2. Lindo post mas não usaria me lembra caminho

    ResponderEliminar